teia da memória – dia nacional do museólogo – instalação do 1º conselho consultivo do instituto brasileiro de museus – salvador / ba – 16 a 19/12/09

salvador_dez_09a
Detalhe de grafite realizado pelo artistia plástico ACME (MUF – Rio de Janeiro) no jardim do Palácio da Aclamação. Salvador / BA.

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) realizou o 1º Encontro Teia da Memória, no Palácio da Aclamação, em Salvador – BA, nos dias 16 e 17 de dezembro de 2009. O encontro teve por objetivo promover a troca de experiências entre as iniciativas comunitárias e construir coletivamente as diretrizes que nortearão as ações do Ibram para o fortalecimento dos Pontos de Memória em 2010. Representantes de 12 capitais brasileiras estiveram presentes: Brasília, Belém, Fortaleza, Recife, Maceió, Salvador, Belo Horizonte, Vitória, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba e Porto Alegre.

Em Curitiba, o processo de instalação de um Ponto de Memória no bairro Sítio Cercado vem sendo articulado desde abril de 2009 com o apoio deste mandato. O MUPE – Museu de Periferia do Sítio Cercado – está desenvolvendo projeto de pesquisa sobre a representação visual do bairro através de desenhos de alunos do ensino fundamental em parceria com a Escola Guilherme Lacerda Braga Sobrinho (CAIC).

José Alves Afonso Filho (Zuca), Simone Raia, Vera Lúcia de Paula Paixão e Jaime Tadeu da Silva, moradores do Sítio Cercado e membros do MUPE,  participaram do encontro em Salvador a convite do Ibram e da Organização dos Estados Ibero-americanos.

Conheça mais sobre o Museu de Periferia do Sítio Cercado no blog do MUPE

salvador_dez_09c
A museóloga bahiana e doutora em educação Maria Celi Teixeira Moura Santos fez o discurso de abertura da cerimônia. Presentes à mesa, da esquerda para a direita: Marcio Meirelles, secretário de Estado de Cultura da Bahia, José do Nascimento Junior, presidente do Instituto Brasileiro de Museus e Daniel Rangel, diretor de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico Cultural da Bahia.

A instalação do 1º Conselho do Patrimônio Museológico ocorreu no dia 18 de dezembro, dia nacional do museólogo, no Salão nobre do Palácio da Aclamação, em Salvador. Foram empossados como conselheiros representantes do Conselho Internacional de Museus (Icom), Associação Brasileira de Museus (ABM), Conselho Federal de Museologia (COFEM), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Fundação Nacional de Artes (Funarte), Comitê Brasileiro de História da Arte (Cbha), Fundação Cultural Palmares (FCP) e Fundação Nacional do Índio (Funai), além de treze representantes da sociedade civil de notório conhecimento nos campos de atuação do Ibram.

salvador_dez_09b

Criado sob decreto nº 6.845/ 7 de maio de 2009, o conselho tem como principais atribuições apoiar a formulação de políticas públicas para os museus, de forma democrática e permante; examinar, apreciar, opinar sobre questões relacionadas à consolidação e desenvolviemento do patrimônio cultural musealizado e de propostas de diretrizes, normas e procedimentos técnicos administrativos do Ibram, de abrangência nacional.

salvador_dez_09d

A solenidade de instalação do 1º Conselho do Patrimônio Museológico contou com a participação de representantes da Organização dos Estados Ibero-americanos – OEI, do Ministério da Justiça e do Ministério da Cultura.

salvador_dez_09e
Detalhe do mobiliário em estilo Luís XV do Salão Nobre do Palácio da Aclamação. O “Palacete dos Moraes”, antigo nome do edifício localizado na Praça da Aclamação sob o nº 211, foi residência oficial dos governadores baianos por 55 anos, até 1967. O palácio exibe uma fachada em estilo neoclássico. Interiormente é decorado com painéis emoldurados, guirlandas, laços e medalhões, pintados por Prisciliano Silva.

Os museólogos passaram a ter um dia próprio para comemoração, 18 de dezembro, por meio de um decreto assinado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 31 de maio de 2004. A escolha da data se deve a regulamentação da profissão de museólogo pela lei nº 7.287 de 18 de dezembro de 1984, que completou 25 anos em 2009.

salvador_dez_09
O Governador da Bahia, Jaques Wagner, durante o evento no MAM, anunciou o projeto de criação do Instituto de Museus da Bahia (IBAM).

No dia 18 a noite as atividades continuaram no Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM-BA), em Salvador, com lançamento do Programa Ibram de Fomento aos Museus – 2010 e das publicações: Subsídios para a Criação de Museus Municipais, Musas: Revista Brasileira de Museus e Museologia, e A Imaginação Museal, de Mário Chagas, diretor do Departamento de Processos Museais do Ibram.

Foram apresentados também os resultados dos dois primeiros editais de museus do Estado: o de Apoio a Propostas de Formação Artística e o de Patrimônio e Preservação, Dinamização e Difusão de Acervos Pertencentes a Instituições Museais Privadas e Comunitárias no Estado da Bahia, que ofereceram investimentos de mais de R$ 1 milhão. Serão contemplados 32 projetos, em cinco categorias.

Fotos: Octavio Camargo

3 Trackbacks

  1. […] teia da memória – dia nacional do museólogo – instalação do 1º conselho consultivo do insti… […]

  2. By acervo de publicações do blog at Angelo Vanhoni on 29 de setembro de 2010 at 21:45

    […] teia da memória – dia nacional do museólogo – instalação do 1º conselho consultivo do insti… […]

  3. […] oferecidas aos moradores e da participação de membros do MUPE nos 3 encontros nacionais “Teia da Memória” promovidos pelo Instituto Brasileiro de Museus […]

Publicar um comentário

Seu e-mail nunca será publicado. Campos com * são obrigatórios

*
*

Preencha os campos corretamente!