dia internacional dos museus – canto XVI da iliada – richard rebelo – museu da república / rio de janeiro

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica120
No teto do Palacio do Catete, decorado em estilo neoclássico, a representação do encontro dos Deuses no Olimpo, com Apolo ao centro.

O Museu da República abriu excepcionalmente nesta segunda-feira, dia 18 de maio, para a apresentação do Canto XVI da Ilíada de Homero na tradução de Manuel Odorico Mendes, no dia Internacional dos Museus. A performance teatral com o ator Richard Rebelo aconteceu no Salão Nobre do museu, às 20h.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica410

O projeto Homero nos Museus está sendo realizado em parceria com o Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM, mandato do deputado federal Angelo Vanhoni e Associação Cultural e Artística Iliadahomero. O objetivo é difundir os valores da cultura oral e sua força transformadora da sociedade, estimulando a leitura dos textos clássicos e facilitando o acesso às matrizes literárias do Ocidente. A tradição da poesia épica grega sobreviveu graças à oralidade e as apresentações dos rapsodos até que pudesse ser finalmente escrita ou compilada por Homero no séc. VII antes de Cristo. Esta “contação de histórias” foi responsável pela transmissão dos valores fundamentais da cultura ocidental e permanece viva até hoje. Nas palavras de Platão “Homero educou a Grécia” podemos perceber a importância atribuída à narrativa oral pelos iminentes filósofos gregos já no século V a.C. Da mesma forma os contadores de histórias da atualidade exercem um importante papel no desenvolvimento do imaginário coletivo.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica364

O Salão Nobre do Palácio do Catete relembra a vida social e o luxo da corte brasileira no século XIX. Nele eram realizadas as principais recepções do palácio. As pinturas verticais representam cenas mitológicas associadas à música e às artes, e, na parte superior das paredes, pinturas em semicírculo referem-se à vida de Apolo, deus da música e da poesia.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica437

As cenas das batalhas entre gregos e troianos são visualmente descritas pela movimentação do ator, que através de gestos ilustra coreograficamente os combates, emprestando vivacidade ao texto e tornando a compreensão da narrativa acessível a um público maior.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica425

O Canto XVI da Ilíada narra as aventuras de Patroclo, herói grego e principal líder dos Mirmidões (gregos), depois de Aquiles. A morte de Patroclo, no final do canto, acarretará no retorno de Aquiles ao campo de batalha e a subsequente vitória dos gregos sobre os troianos.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica647
Na platéia, da esquerda para a direita: Mário Chagas, Letícia Sabatella, José Nascimento Junior e Eneida Braga.

A apresentação de Richard Rebelo aconteceu uma semana após o nascimento do Instituto Brasileiro de Museus. O IBRAM substitui o antigo Departamento de Museus, desvinculando-se do IPHAN. O Instituto tem por objetivo formular políticas culturais para todos os museus brasileiros – não apenas os federais – melhorar os serviços do setor, aumentar a visitação e arrecadação dos mesmos, fomentar políticas de aquisição e preservação dos acervos e criar ações integradas entre os museus brasileiros.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica724
Mario de Souza Chagas (diretor do Departamento de Processos Museais – IBRAM) cumprimenta o ator Richard Rebelo ao final da apresentação. Ao fundo o atual presidente do Instituto Brasileiro de Museus – IBRAM, José Nascimento Junior.

O evento se insere também na  programação da VII Semana Nacional de Museus que ocorre entre os dias 17 e 23 de maio na cidade do Rio de Janeiro. A semana conta ainda com diversas atividades: palestras, visitas monitoradas gratuitas, seminários, projeções de filmes, espetáculos teatrais e oficinas.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica686

A diretora do Museu da República, Magaly Cabral (ao centro) expressou o desejo de realizar o ciclo completo de apresentações dos 24 Cantos da Ilíada no Salão Nobre do palácio, a partir de 2010, com duas apresentações mensais. O projeto visa dinamizar a visitação do museu e realçar, através da publicação de um catálogo, a iconografia presente nas diversas salas do Palácio do Catete, que em sua maioria ilustram cenas da mitologia greco-romana em seus afrescos, pinturas e esculturas.

riodejaneiro_foto_gilsoncamargo_iliadahomero_18_05_09museudarepublica060

Fotos: Gilson Camargo

dia_internacional_dos_musues_2009_iliadahomero1

 

untitled-11

O projeto Homero nos Museus iniciou-se com uma proposta de intercâmbio entre contadores de histórias do Museu da Maré e do Museu de Favela (MUF), no Rio de Janeiro – duas instituições da vanguarda museológica no Brasil – e os atores da Associação Iliadahomero em Curitiba.

museudamare_fotonaldinholourenco_rjabril2009

Em abril de 2009 o ator Richard Rebelo esteve no Museu da Maré realizando uma apresentação de incentivo à leitura para crianças da comunidade. Durante a atividade os jovens tiveram acesso a trechos da Ilíada de Homero e também a contos da Maré recentemente publicados em livro pela própria instituição.  A contadora de histórias Marlene Nunes (Maré) e a cantora e compositora Afrolady (MUF) vieram a Curitiba e se apresentaram na Casa Brasil / ACNAP no bairro Sítio Cercado, em abril deste ano (link para post sobre o evento). Os contadores de histórias põem em circulação a memória viva de suas comunidades. Esta é uma forma de itineração de acervos museológicos através de relatos. A troca de experiências entre as comunidades do Rio de Janeiro e o bairro Sitio Cercado em Curitiba tem perspectivas de fomentar o surgimento de um Ponto de Memória na região.

museudamare_fotonaldinholourenco_rjabril2009a

Os cantos da Ilíada realizados pela Associação Iliadahomero vêm itinerando desde 1999 com apresentações em mais de 20 cidades brasileiras. Em 2006 a atriz Claudete Pereira Jorge participou da I Bienal de Arte Comtemporanea de Tessaloniki (Grécia), realizando apresentações do canto I, em português, nas cidades de Atenas, Thessaloniki, Skopje, Berlin e Amsterdam. A atriz se apresentará em Porto Alegre ainda no mês de junho no Memorial do Rio Grande do Sul em data a ser divulgada.
link para blog Iliadahomero

richard-rebelo-muf-web-foto-chiris-gomes
Richard Rebelo e Afrolady durante atividade de incentivo a leitura no Harmonicanto, projeto desenvolvido por Cássia de Oliveira na comunidade de Cantagalo, vinculado ao Museu de Favela – MUF.

Fotos: Naldinho Lourenço e Chiris Gomes

2 Comentários

  1. Rogério Viana
    8 de junho de 2009

    Parabéns ao autor da idéia de levar a bela interpretação do Canto XVI da Iliáda, de Homero pelo grande Richard Rebelo. Já havia assistido aqui em Curitiba esta notável interpretação e o cenário dessa apresentação não poderia ter sido melhor. Parabéns a todos os que tiveram a feliz idéia de promover esse tipo de apresentação.

  2. 15 de janeiro de 2011

    Olá,
    Adorei o post e as fotos estão lindas. VOcê já conhece a visita virtual ao Museu da República? Aquele lugar é t>ao maravilhoso que a visita não ficou diferente. Ela é imersiva e no site tem vários outros museus.
    Visite.. e se gostar publique no seu blog!
    Abraços,
    Carla

3 Trackbacks

  1. […] dia internacional dos museus – canto XVI da iliada – richard rebelo – museu da república / rio de janeiro Por vanhoni 1 Comment Categorias: Uncategorized Tags: iliada, incentivo a leitura, museu da republica, museus, rio de janeiro O conteúdo deste post encontra-se em http://www.vanhoni.com.br/2009/05/dia-internacional-dos-museus-canto-xvi-da-iliada-richard-rebelo-mu… […]

  2. […] dia internacional dos museus – canto XVI da iliada – richard rebelo – museu da república / ri… […]

  3. By acervo de publicações do blog at Angelo Vanhoni on 29 de setembro de 2010 at 17:18

    […] dia internacional dos museus – canto XVI da iliada – richard rebelo – museu da república / ri… […]

Publicar um comentário

Seu e-mail nunca será publicado. Campos com * são obrigatórios

*
*

Preencha os campos corretamente!