1º conferência estadual de tecnologia da informação e comunicação e ciência & tecnologia do pt/pr

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo071web

O Setorial de Tecnologia da Informação e Comunicação e Ciência & Tecnologia do PT Paraná, realizou no dia 15/06, a I Conferência Estadual do setor. O evento teve por objetivo discutir as políticas de C&T, TI , TICs e Internet, norteando a atuação do partido no estado, preparando a construção do plano de governo das eleições de 2014 e debatendo o protagonismo dos trabalhadores para o desenvolvimento brasileiro.

A conferência contou com a participação da secretária de Inclusão Digital do Ministério das Comunicações, Lygia Pupatto, do presidente do Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), Marcos Mazoni, e do deputado federal Angelo Vanhoni. Os painéis abordaram temas como a democratização dos meios de comunicação, cidades digitais, internet, redes educacionais abertas, software livre, desenvolvimento de ciência & tecnologia e políticas públicas de TI, entre outros assuntos.

Além da representação do governo federal, a conferência recebeu os convidados: prof. dr. Flávio Gonçalves, coordenador do PPGDE/UFPR, Anderson Tanck, diretor de Tecnologia da Informação da Prefeitura de Pinhais, Claudio Santos, diretor de Tecnologia da Informação da Prefeitura de Piraquara, Sérgio Bertoni, presidente do Blogoosfero, Alexandre Pesserl, advogado, mestre em Direito Autoral pela UFSC.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo156aweb

Com cerca de 60 participantes, o Setorial de Tecnologia de Informação e Comunicação e Ciência & Tecnologia do Partido dos Trabalhadores do Paraná, deu início ao debate sobre os investimentos na área de C&T, os avanços tecnológicos e a democratização dos meios de comunicação.

Nosso setorial tem um ano e meio de formação, é a primeira vez que a gente consegue manter um setorial na área de Ciência & Tecnologia e é um orgulho fazer parte disso. Eu tenho muito a agradecer aos meus companheiros que estão aqui. Nós temos, no mês de agosto, o nosso Encontro Nacional de Ciência & Tecnologia, e a partir de hoje vamos denominar os delegados para representar o Paraná neste encontro.

Karinna Bueno, coordenadora do Setorial de T.I.C. e Ciência & Tecnologia do PT /Paraná.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo026web

A secretária de Inclusão Digital, Lygia Pupatto, discorreu sobre a nova pasta no Ministério das Comunicações e os avanços propostos pela Secretaria, dentre eles o programa Cidades Digitais.

O primeiro desafio foi superado pelo decreto da presidente Dilma Rousseff criando a Secretaria da Inclusão Digital, uma visão estratégica da presidenta, pois temos de articular com muitas secretarias e ministérios, os quais desenvolvem programas de Inclusão Digital. Nosso objetivo é pensar em políticas estruturantes, aglutinadoras, envolvendo não só o governo federal, mas com parceria de estados e municípios, pois somente o Ministério das Comunicações não tem condições e nem estrutura para compor o desafio da Inclusão.

Lygia Pupatto.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo045web

O deputado federal Angelo Vanhoni informou sobre as metas do Plano Nacional de Educação (PNE) voltadas a Ciência & Tecnologia e o desafio dos Recursos Educacionais Abertos (REA), tema debatido por ele na Conferência da Unesco, em Paris. Em sua fala, Vanhoni ressaltou que a proposta visa democratizar o conhecimento.

É necessário que o conteúdo educacional contratado pela esfera pública esteja disponível de forma livre na internet, possibilitando que possa ser acessado, utilizado em sala de aula, compartilhado e recombinado, apoiando a formação de todos os brasileiros, independente de seu local de moradia ou poder aquisitivo. Para vocês terem uma ideia, o Brasil é o maior comprador de livros didáticos do mundo! São investidos 1,5 bilhões de reais por ano na compra e distribuição deste material.

Angelo Vanhoni.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo035web

Outra conquista ressaltada pelo deputado são os Centros Vocacionais Tecnológicos (CVT), que visam implementar programas de capacitação tecnológica para a população jovem e adulta, direcionados para os segmentos de baixos níveis de escolarização formal, articulando sistemas de ensino, a rede federal de educação tecnológica, universidades e cooperativas, entre outras parcerias. Além da vitória mais popular do plano que é o investimento de 10% do PIB em Educação nos próximos 10 anos.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo087web

Marcos Mazoni ressaltou a importância do software livre e da prestação de serviços garantida pelo Serpro aos brasileiros, como é o caso do trabalho com a Receita Federal, facilitando a declaração de imposto de renda no país. Lembrou ainda que o Partido dos Trabalhadores deve discutir as políticas de tecnologia para o Brasil e para o estado do Paraná, construindo assim um plano de governo onde a tecnologia seja transversal aos demais temas, fortificando todas as pautas, pois ela está presente em todas as realizações de um governo. Terminou sua fala com o brilhante ensinamento de Alberto Santos Dumont, pai da aviação, na ocasião da construção do Demoiselle. Em 1910, ao publicar todas as especificações do avião na revista científica Popular Mechanics o aviador compartilhou o seu invento, garantindo que este conhecimento pudesse ser copiado e reproduzido livremente.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo116web

O prof. dr. Flávio Gonçalves trouxe um painel sobre a consolidação dos Sistemas de Inovação Regional, levantando as dificuldades de ações práticas nas parcerias de Ciência & Tecnologia ou Tecnologia da Informação nos setores produtivos do Estado. Já o filósofo, blogueiro e presidente da Fundação Blogoosfero, Sérgio Luís Bertoni, reafirmou a necessidade de sermos mais independentes da mídia tradicional e dos “donos” da tecnologias. O Brasil e seus cidadãos estão totalmente dependentes das grandes corporações, tudo que é feito aqui é monitorado e cerceado, é preciso investir na produção de ciência e tecnologia gerando emancipação na administração das informações.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo136web

O advogado Alexandre Pesserl, mestre em Direito Autoral, levantou importante discussão sobre os conteúdos que produzimos diariamente, pois em tempos de tecnologia digital tudo que escrevemos ou salvamos em nossos computadores e smartphones são conteúdos que de alguma forma estão protegidos por direitos autorais, sendo preciso atentar para de quem é esse direito e de que forma se pode utilizar e/ou interferir nesta produção. Pesserl discorreu também sobre a arrecadação de direitos autorais no Brasil e as dificuldades de gestão e controle social dos órgãos encarregados pela distribuição destes recursos.

2013_06_15_conferencia_c&t_ptpr_foto_gilsoncamargo106web

A conferência definiu como próximas metas um evento em parceria com o governo federal, a academia e demais interessados, ampliando a discussão sobre a produção, uso e compartilhamento do conhecimento científico no país, além da participação no encontro nacional do setor.

Fotos: Gilson Camargo

1 Comentário

  1. ADELIR PEREIRA
    29 de junho de 2013

    MUITA GENTE NAO CONHECE AS AÇOES DO PT NESSE SENTIDO. É PRECISO DIVULGAR MAIS, FOMENTAR ESSAS IDÉIAS !! O PROXIMO ENCONTRO NACIONAL VAI SER EM AGOSTO/2013 MESMO??
    SOU ESPECIALISTA EM GESTAO DO CONHECIMENTO, DA INFORMAÇÃO E DA TECNOLOGIA, PELA PUC PR.
    GOSTARIA DE PARTICIPAR DO PROXIMO EVENTO. AGUARDO O CONVITE !
    GRANDE ABRAÇO !!

Publicar um comentário

Seu e-mail nunca será publicado. Campos com * são obrigatórios

*
*

Preencha os campos corretamente!